Conheça a fazenda-TV de Arnaldo Cezar Coelho

In De Olho na Imprensa, De Olho no Agronegócio, Em destaque, Principal, Últimas

Ele possui a TV Rio Sul, retransmissora da Globo em Resende (RJ); a sede é a réplica de uma antiga fazenda cafeeira pertencente ao comentarista e ao irmão Ronaldo Cezar Coelho, ex-deputado e banqueiro; face empresarial e agrária de Arnaldo é bem menos conhecida

Por Alceu Luís Castilho

O comentarista de arbitragem Arnaldo Cezar Coelho não poderá participar da transmissão do jogo do Brasil contra Marrocos, amanhã (25), no canal de Galvão Bueno. A Globo vetou. O próprio Galvão contou o motivo: Coelho possui uma retransmissora do canal. E o contrato não permite. Essa emissora chama-se TV Rio Sul e fica em Resende (RJ). A sede é uma réplica de uma fazenda colonial em Vassouras (RJ) que também pertence a Coelho, por meio da empresa Samambaia Participações.

A antiga fazenda escravista de 109 alqueires em Vassouras foi adquirida em 1983 pela Samambaia por Arnaldo e seu irmão, Ronaldo Cezar Coelho, que foi deputado federal por quatro mandatos e também é onhecido por sua face empresarial e fortuna como banqueiro. Arnaldo também atuou no mercado financeiro, ganhou muito dinheiro com mercado futuro na corretora Liquidez, como ele já contou algumas vezes.

E hoje não é somente um comentarista de futebol, mas um empresário com iniciativas em diversos setores, entre eles o imobiliário. O capital social de suas empresas ultrapassa R$ 200 milhões. Ronaldo possui mais de R$ 5 bilhões. Seu fundo de investimentos Samambaia — o mesmo nome da empresa com Arnaldo — é o principal acionista da BR Distribuidora.

Fazenda São Fernando, dos irmãos Cezar Coelho, em Vassouras (RJ). (Imagem: TV Rio Sul)

A relação de Arnaldo Cezar Coelho com a Globo sempre foi muito boa. Além de possuir uma afiliada, característica em comum com o diretor Boninho, que possui uma retransmissora no lado paulista do Vale do Paraíba, a fazenda dele em Vassouras foi sede de várias novelas, como “Salvador da Pátria” (1989), “Mulheres de Areia” (1993), “Coração de estudante” (2002) e “Ouro Verde” (2017).

Em “Salvador da Pátria, novela de Lauro César Muniz, o ator Lima Duarte brilhou como o boia-fria Sassá Mutema. A trama tem fazendeiros, banqueiro, políticos. O tema de abertura, “Amarra o teu Arado a uma Estrela”, era de Gilberto Gil:

Se os campos cultivados neste mundo
São duros demais
E os solos assolados pela guerra
Não produzem a paz
Amarra o teu arado a uma estrela
E aí tu serás
O lavrador louco dos astros
O camponês solto nos céus

A família Coelho não foi a responsável pelo período cafeeiro e escravista da fazenda em Vassouras. Ali viviam mais de cem escravos, como mostra um artigo acadêmico sobre o suicídio do escravo Felisberto. Restaurada por Ronaldo, ela tem hoje atividades culturais, de arqueologia e museologia, e está aberta para visitas, com direito a divulgação na emissora do irmão.

| Alceu Luís Castilho é diretor de redação do De Olho nos Ruralistas. |

Foto Principal (TV Rio Sul): sede da retransmissora, em Resende, faz referência à fazenda em Vassouras

You may also read!

Conheça o terreno em Parelheiros onde Nunes tentou construir condomínio empresarial

Imobiliária do prefeito, a Topsul Empreendimentos, iniciou processo em imóvel na Estrada Ecoturística de Parelheiros; mata e casa cotada

Read More...

Imobiliária de Ricardo Nunes mostra conexão empresarial com parceiros da zona sul

Dono da Topsul Empreendimentos, prefeito e amigos maçons montaram empresa em nome de parentes; todos tinham conexão com Associação

Read More...

Green Village: o condomínio em Interlagos onde Ricardo Nunes e amigos fazem seu “banco imobiliário”

Maçons e empresários do ramo de imóveis, grupo do prefeito tem apartamentos no local e tentáculos na prefeitura, em

Read More...

Leave a reply:

Your email address will not be published.

Mobile Sliding Menu