Valor: estatal chinesa tem quatro usinas em SP e planeja expansão

In De Olho na Imprensa, De Olho no Agronegócio, Empresas estrangeiras, Principal, Últimas

Cofco Agri entrou neste ano no mercado paulista de cana e no mercado matogrossense de soja; empresa fala em aquisição de mais usinas e em “forte crescimento no Brasil”

A notícia está no Valor Econômico de hoje: “Cofco Agri planeja ampliar usinas no Brasil“. Trata-se de uma estatal chinesa, que fatura US$ 40 bilhões por ano. Segundo o jornal, dona de quatro usinas sucroalcooleiras em São Paulo. E que planeja “um forte crescimento no setor no Brasil”.

“O foco, no curto prazo, é a expansão da capacidade de produção de suas plantas no país, mas o crescimento também pode vir a partir da aquisição de usinas”. Saltando de 15 milhões de toneladas de cana, capacidade atual, para 18 milhões de toneladas, em 2019.

O site da União da Indústria de Cana-de-Açúcar (Unica) informa que a Cofco possui unidades em Catanduva, Meridiano, Poturendaba e Sebastianópolis. Elas pertenciam à empresa Noble Agri, de quem também herdou uma unidade de processamento de soja em Rondonópolis (MT).

A cana-de-açúcar ocupa a maior parte da área plantada no estado de São Paulo. E a compra de terras por estrangeiros está na pauta tanto do governo Temer como do Congresso – embora, na prática, já ocorra.

You may also read!

Mortes, escravidão e abuso sexual: o legado das missões comandadas pelo pai de antropólogo preso pelo Ibama

Edward Luz foi preso em flagrante ao invadir terra indígena; seu pai homônimo expôs durante entrevistas à imprensa, uma

Read More...

Ambev diz que vai “fazer chover” fora da cidade para não molhar foliões em SP

Empresa contratou para o carnaval a ModClima, que prestou sem concorrência serviços para a Sabesp, entre 2007 e 2016;

Read More...

Multas do Ibama para assassinos de Dorothy Stang prescreveram ou ainda não foram pagas

Regivaldo Pereira Galvão, o Taradão, e Vitalmiro Bastos de Moura, o Bida, receberam autuações milionárias por desmatamento em 2004,

Read More...

Leave a reply:

Your email address will not be published.