Entre os deputados da FPA, 31 derrubaram Dilma e votaram contra Temer em 2017

In Bancada Ruralista, De Olho na Política, De Olho nos Retrocessos, Governo Temer, Últimas

Levantamento do observatório mostra como os membros da Frente Parlamentar da Agropecuária agiram durante o impeachment e na denúncia contra o presidente, em agosto

Por Alceu Luís Castilho

A maioria dos deputados da Frente Parlamentar da Agropecuária fez uma opção casada: derrubar Dilma Rousseff, em 2016, e salvar Michel Temer, em agosto. De Olho nos Ruralistas começou a contar essa história aqui: “Frente Parlamentar da Agropecuária compôs 50% dos votos do impeachment e 51% dos votos para manter Temer“. E continuou aqui: “Conheça os 124 deputados da FPA que derrubaram Dilma e mantiveram Temer“.

Mas 31 membros da FPA – a face mais organizada da  bancada ruralista – votaram tanto no impeachment de Dilma, em abril do ano passado, como no prosseguimento da denúncia contra o presidente Temer por corrupção passiva, em 2017.

Clique aqui e receba o boletim De Olho nos Retrocessos

Pelo menos três desses nomes causam mais surpresa. São o deputado Luis Carlos Heinze (PP-RS), um dos membros mais atuantes da FPA, Jerônimo Goergen (PP-RS) e Mandetta (DEM-MS). O deputado Osmar Serraglio (PMDB-PR) foi outro destaque, por ter sido ministro da Justiça no início do governo Temer e expoente jurídico da bancada ruralista.

Chama também a atenção a quantidade de deputados capixabas – cinco – que apoiaram a queda da presidente, mas não demonstram estar satisfeitos com Temer. Talvez um efeito da decisão do governo de importar café – o Espírito Santo concentra grande quantidade de produtores no Brasil e lidera o lobby na Câmara em relação ao tema.

Vejamos a lista desses 31 deputados:

Região Norte:

-> Alan Rick (PRB-AC)
-> Rocha (PSDB-AC)
-> Arnaldo Jordy (PPS-PA)
-> César Halum (PRB-TO)

Região Centro-Oeste:

Mandetta: contra Dilma, mas a favor do processo contra Temer.

-> Augusto Carvalho (SD-DF)
-> Flávia Morais (PDT-GO)
-> Mandetta (DEM-MS)

Região Nordeste:

-> Gonzaga Patriota (PSB-PE)
-> Antônio Jácome (PTN-RN)
-> Jony Marcos (PRB-SE)
-> Laercio Oliveira (SD-SE)

Região Sudeste:

-> Carlos Manato (SD-ES)
-> Dr Jorge Silva (Pros-ES)
-> Evair de Melo (PV-ES)
-> Paulo Foletto (PSB-ES)
-> Sergio Vidigal (PDT-ES)
-> Júlio Delgado (PSB-MG)
-> Lincoln Portela (PRB-MG)
-> Marcelo Álvaro Antônio (PR-MG)
-> Felipe Bornier (Pros-RJ)
-> Sergio Zveiter (PMDB-RJ)
-> Sóstenes Cavalcante (DEM-RJ)
->  Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP)

Região Sul:

Heinze com Temer. (Foto: Agência Câmara)

-> Diego Garcia (PHS-PR)
-> Leopoldo Meyer (PSB-PR)
-> Sandro Alex (PSD-PR)
-> Afonso Hamm (PP-RS)
-> Heitor Schuch (PSB-RS)
-> Luis Carlos Heinze (PP-RS)
-> Onxy Lorenzoni (DEM-RS)
-> Esperidião Amin (PP-SC)
-> Jorginho Mello (PR-SC)

Alguns deputados que votaram pelo impeachment de Dilma estavam aptos a votar em agosto na denúncia contra Temer, mas se ausentaram. São eles:

Serraglio: do Ministério da Justiça para o absenteísmo.

-> Wilson Filho (PTB-PB)
-> Roney Nemer (PP-DF)
-> Gilberto Nascimento (PSC-SP)
-> Luciano Ducci (PSB-PR)
-> Osmar Serraglio (PMDB-PR)
-> Giovani Cherini (PDT-RS)

Alexandre Leite (DEM-SP) votou contra Dilma, mas se absteve na votação contra o atual presidente.

Os deputados Evair de Melo (PV-ES) e Weliton Prado (PMDB-MG) compuseram a Comissão Especial que aprovou o pedido inicial de processo contra a presidente, antes da ida ao plenário.

LEIA MAIS:
Frente Parlamentar da Agropecuária compôs 50% dos votos do impeachment e 51% dos votos para manter Temer
Governo Temer atendeu 13 das 17 pautas prioritárias dos ruralistas, diz a Folha
Entre os deputados da FPA, 31 derrubaram Dilma e votaram contra Temer em 2017
Conheça os 124 deputados da FPA que derrubaram Dilma e mantiveram Temer
Deputados ruralistas que votaram a favor de Dilma dividiram-se em relação a Temer
9 deputados ruralistas estão entre 13 recordistas de acusações criminais no STF
Ruralistas da ‘bancada do Refis’ devem R$ 135 milhões à União; seus líderes respondem por crimes tributários no STF

You may also read!

“Nem um centímetro a mais para terras indígenas”, diz Bolsonaro

Deputado diz que, caso assuma a Presidência, não haverá mais demarcações; ele citou a ascensão política do boliviano Evo

Read More...

Denunciado por fraude contra credores em frigorífico, deputado lidera lobby por perdão de dívidas

Membro da "bancada do Refis", Kaefer era o deputado mais rico na eleição de 2014 e deve R$ 52,8

Read More...

Formicida utilizado em eucaliptos contamina oceanos

Professora de Oceanografia da Universidade Federal de Santa Catarina mostra em artigo que a Baía de Todos os Santos

Read More...

Leave a reply:

Your email address will not be published.

Mobile Sliding Menu