Líder em equipamentos para usinas, Dedini deve R$ 1,7 bilhão em impostos

In De Olho no Agronegócio, Em destaque, Relações de trabalho, Últimas

Empresa também tem dívidas trabalhistas; dois funcionários do grupo estão à frente da secretaria do Desenvolvimento Econômico em Piracicaba (SP) e da secretaria estadual do Emprego e Relações do Trabalho, em São Paulo

A informação está no último parágrafo de um texto no Valor Econômico, nesta terça-feira: a maior parte da dívida do Grupo Dedini é tributária. Representa 74% do passivo total. Mais precisamente, R$ 1,7 bilhão. O grupo paulista é o principal fornecedor de máquinas e equipamentos para o setor sucroalcooleiro. O grupo está há um ano em recuperação judicial. Em maio, devia R$ 8,9 milhões em salários. O grupo fechou há uma semana sua fábrica em Sertãozinho e demitiu 100 funcionários.

A notícia que abre o caderno “Agronegócios” do Valor anuncia uma reação do setor de venda de equipamentos a usinas.

Filho de um dos fundadores da empresa, Malo Dedini morreu em julho. Para lamento do secretário estadual do Emprego e Relações do Trabalho, José Luiz Ribeiro: “Ele esteve no meu escritório em São Paulo, onde conversamos sobre a Dedini e a economia do país. Ele estava confiante na recuperação da empresa e preocupado em honrar os compromissos trabalhistas dos funcionários”.

Ribeiro é funcionário da Dedini desde 1980, e presidente licenciado do Sindicato dos Metalúrgicos. O secretário de Desenvolvimento Econômico de Piracicaba, Tarcísio Mascarim, foi diretor da empresa.

You may also read!

Agrotóxicos em plantações de tomates ameaçam quilombo na Chapada Diamantina

Danos do uso de agrotóxicos nas plantações de tomate e cebola à comunidade do Velame são apontados pelo Fórum

Read More...

Contra o avanço da direita, indígenas preparam “boom” de candidaturas nas eleições de 2020

Pela primeira vez, a Articulação dos Povos Indígenas do Brasil (Apib) criou uma plataforma para reunir e apoiar candidatos;

Read More...

Esplanada da Morte (XX) — Entenda como Gabinete do Ódio politiza pandemia e põe vidas em risco

Arsenal de notícias falsas na órbita da família Bolsonaro atingiu opositores do presidente, minimizou efeitos da Covid-19 no Brasil

Read More...

Leave a reply:

Your email address will not be published.