Desmatamento e canaviais eliminam fauna do solo, aponta doutorado da USP

In De Olho no Ambiente, Desmatamento, Em destaque, Principal, Últimas

Conversão em pasto mata aranhas e escorpiões; calcário colocado no solo pela agroindústria acaba com cupins e minhocas; agrotóxicos destroem os microrganismos sobreviventes

Uma destruição em três tempos. Assim pode ser resumida a eliminação da fauna original do solo após a transformação de áreas de floresta em pastagens, e de pastagens em canaviais, conforme tese de doutorado defendida por André Luiz de Custodio Franco no Centro de Energia Nuclear na Agricultura (Cena) da Universidade de São Paulo, em Piracicaba. A Agência Fapesp divulgou nesta segunda-feira a pesquisa, resumida em artigo no periódico Science of the Total Environment.

As amostras foram coletadas em três canaviais localizados em Jataí, Goiás, Ipaussu e Valparaíso. Todos municípios do estado de São Paulo, dominado por canaviais: “Agricultura paulista cresce com expulsão de trabalhadores e concentração de terras“.

A primeira eliminação é dos predadores de topo do solo, como aranhas e escorpiões. Ocorre quando a mata nativa é convertida em pasto.  A consequência é o aumento da quantidade de cupins (nove vezes) e de minhocas (14 vezes).

A segunda eliminação é a desses cupins e minhocas, quando o pasto vira canavial. Isto por causa da transformação do solo, inicialmente ácido. O pesquisador explica: “Como a cana precisa de um solo mais alcalino, a agroindústria introduz quantidades maciças de calcário – além de fertilizantes, herbicidas e pesticidas”. Em outras palavras, o solo se torna tóxico.

A terceira eliminação é a dos animais e microrganismos adaptáveis a um solo alcalino. E quem faz esse papel são os agrotóxicos.

Cerca de 90% da macrofauna desaparece. Com ela, a biodiversidade. O desaparecimento de animais implica maior risco de erosão. E a perda de capacidade de armazenamento de carbono pelo solo.

You may also read!

Para se proteger de ameaças, maior quilombo do país, o Kalunga, mapeia território em Goiás

Com apoio internacional, quilombolas georreferenciam suas terras para se defender do avanço do agronegócio, da invasão de grileiros, da

Read More...

Contra reforma da Previdência, camponeses aderem à greve geral e participam de manifestações em 26 estados

Em dia marcado por paralisações, trabalhadores rurais de diversos municípios saíram às ruas para protestar contra a reforma da

Read More...

Dono de empresas agropecuárias, senador banca projeto que extingue Reserva Legal

Filho de ex-governador do MA ligado a conflitos agrários, tucano Roberto Rocha considera a manutenção de matas nativas uma

Read More...

Leave a reply:

Your email address will not be published.