De Olho nos Ruralistas precisa de mil assinaturas para seguir até 2018

In De Olho na Imprensa, Principal, Últimas

Observatório sobre agronegócio lança campanha “De Olho nos Mil Parceiros”; entre recompensas, boletins diários e curso sobre políticos

Mil assinaturas. Essa é a meta do De Olho nos Ruralistas para avançar até abril de 2018. Um observatório sobre agronegócio no Brasil, o portal lançou nesta segunda-feira (27/03) a campanha “De Olho nos Mil Parceiros“. Cada pessoa que contribuir para o observatório receberá um tipo de recompensa. De boletins semanais, na faixa de R$ 12 mensais, até banners no site. Confira aqui o vídeo da campanha.

O observatório foi lançado em setembro de 2016. Com verba para funcionar por seis meses. Como houve mais doações, o período foi estendido por mais um mês. Mas agora o projeto depende novamente do leitor para sobreviver. “Colocamos o número de parceiros como meta porque não se trata apenas de dinheiro, mas da necessidade de construção de uma rede de apoiadores”, diz o coordenador do De Olho, Alceu Castilho.

As recompensas para quem contribuir começam com o recebimento de boletins. Quem doar na faixa de R$ 25 a R$ 100 mensais receberá entre um e quatro boletins diários, entre as seguintes opções: De Olho no Ambiente, De Olho no Agronegócio, De Olho na Comida e De Olho nos Conflitos. Semanalmente será feita uma seleção das principais notícias, que constituirão o boletim para os assinantes que doarem R$ 12 por mês.

DE OLHO NOS LIVROS

Para quem doar a partir de R$ 50 por mês, Castilho ministrará um curso à distância sobre políticos ruralistas, baseado no livro Partido da Terra (Contexto, 2012). Serão cinco aulas virtuais, cada uma sobre uma das partes do livro: Território, Dinheiro, Política, Ambiente e Os Excluídos. As informações serão atualizadas, conforme as informações obtidas nos últimos anos – entre elas o banco de dados do próprio observatório.

O próximo livro do jornalista, sobre imprensa e questão agrária, também motivará uma recompensa específica. Quem fizer doações a partir de R$ 200 mensais participará de um grupo que ajudará mais diretamente – embora toda contribuição seja bem-vinda – na elaboração da obra, que deve ser lançada no início de 2018. De Olho nos Ruralistas define-se também como um observatório da imprensa, já que esta costuma funcionar como braço auxiliar do agronegócio.

Confira na página da campanha as demais recompensas: De Olho nos Mil Parceiros.

 

You may also read!

IV Tribunal Tiradentes, em SP, julga Congresso Nacional no dia 25; questão agrária será um dos grandes temas

Escritor Fernando Morais será o acusador; Chico Whitaker, o defensor; Antônio Carlos Malheiros, o juiz; coordenador do De Olho

Read More...

Comandante do Exército repete fala dos ruralistas sobre Amazônia

Assim como deputados da Frente Agropecuária, ele diz que "ONGs internacionais" usam ambientalismo e indigenismo para neutralizar a exploração

Read More...

Filme mostra degradação ambiental causada pela monocultura do eucalipto na BA e no ES

"Desertos Verdes" dá voz a indígenas, camponeses e quilombolas; eles são expulsos, ameaçados e veem aviões das grandes empresas

Read More...

Leave a reply:

Your email address will not be published.

Mobile Sliding Menu