De Olho nos Ruralistas precisa de mil assinaturas para seguir até 2018

In De Olho na Imprensa, Principal, Últimas

Observatório sobre agronegócio lança campanha “De Olho nos Mil Parceiros”; entre recompensas, boletins diários e curso sobre políticos

Mil assinaturas. Essa é a meta do De Olho nos Ruralistas para avançar até abril de 2018. Um observatório sobre agronegócio no Brasil, o portal lançou nesta segunda-feira (27/03) a campanha “De Olho nos Mil Parceiros“. Cada pessoa que contribuir para o observatório receberá um tipo de recompensa. De boletins semanais, na faixa de R$ 12 mensais, até banners no site. Confira aqui o vídeo da campanha.

O observatório foi lançado em setembro de 2016. Com verba para funcionar por seis meses. Como houve mais doações, o período foi estendido por mais um mês. Mas agora o projeto depende novamente do leitor para sobreviver. “Colocamos o número de parceiros como meta porque não se trata apenas de dinheiro, mas da necessidade de construção de uma rede de apoiadores”, diz o coordenador do De Olho, Alceu Castilho.

As recompensas para quem contribuir começam com o recebimento de boletins. Quem doar na faixa de R$ 25 a R$ 100 mensais receberá entre um e quatro boletins diários, entre as seguintes opções: De Olho no Ambiente, De Olho no Agronegócio, De Olho na Comida e De Olho nos Conflitos. Semanalmente será feita uma seleção das principais notícias, que constituirão o boletim para os assinantes que doarem R$ 12 por mês.

DE OLHO NOS LIVROS

Para quem doar a partir de R$ 50 por mês, Castilho ministrará um curso à distância sobre políticos ruralistas, baseado no livro Partido da Terra (Contexto, 2012). Serão cinco aulas virtuais, cada uma sobre uma das partes do livro: Território, Dinheiro, Política, Ambiente e Os Excluídos. As informações serão atualizadas, conforme as informações obtidas nos últimos anos – entre elas o banco de dados do próprio observatório.

O próximo livro do jornalista, sobre imprensa e questão agrária, também motivará uma recompensa específica. Quem fizer doações a partir de R$ 200 mensais participará de um grupo que ajudará mais diretamente – embora toda contribuição seja bem-vinda – na elaboração da obra, que deve ser lançada no início de 2018. De Olho nos Ruralistas define-se também como um observatório da imprensa, já que esta costuma funcionar como braço auxiliar do agronegócio.

Confira na página da campanha as demais recompensas: De Olho nos Mil Parceiros.

 

You may also read!

Expulsão de camponeses por Arthur Lira engorda lista da violência no campo em 2023

Fazendeiros e Estado foram os maiores responsáveis por conflitos do campo no ano passado; despejo em Quipapá (PE) compõe

Read More...

Estudo identifica pelo menos três mortes ao ano provocadas por agrotóxicos em Goiás

Pesquisadores da Universidade de Rio Verde identificaram 2.938 casos de intoxicação entre 2012 e 2022, que causaram câncer e

Read More...

Quem é César Lira, o primo de Arthur demitido do Incra

Exonerado da superintendência do Incra em Alagoas, primo do presidente da Câmara privilegiou ações em Maragogi, onde planeja disputar

Read More...

Leave a reply:

Your email address will not be published.

Mobile Sliding Menu