‘De Olho’ participa nesta quarta de seminário sobre Ética, Ciência e Direitos na UFSC

In Povos Indígenas, Principal, Quilombolas, Últimas

Evento em Florianópolis reúne pesquisadores, indígenas, quilombolas e juristas para discutir direitos territoriais das comunidades tradicionais

O programa de pós-graduação em Antropologia Social da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) promove nesta quarta-feira (27/09) a segunda edição do seminário “Ética, Ciência e Direitos”, na reitoria do campus Trindade, em Florianópolis. O De Olho nos Ruralistas, por meio de seu coordenador, Alceu Luís Castilho, é um dos convidados para o debate que se inicia às 18h30, sobre direitos constitucionais e ética.

Os demais participantes dessa mesa são Carlos Marés, ex-presidente da Fundação Nacional do Índio (Funai), e Paulo Leivas, procurador do Ministério Público Federal (MPF). A coordenação será do professor Ricardo Cid Fernandes, da Universidade Federal do Paraná (UFPR).

 

A roda de conversa das 14h30 discutirá autonomia científica e direitos territoriais. A coordenadora do Comitê Quilombos da Associação Brasileira de Antropologia (ABA), Raquel Mombelli, conversará com indígenas, quilombolas, representantes do Ministério Público Federal, da Câmara, de universidades e organizações não governamentais.

O seminário começou no dia 20, também com a presença de lideranças indígenas e quilombolas.

You may also read!

Nova Frente Parlamentar da Agropecuária reúne 257 deputados e senadores; com 25, PSL de Bolsonaro só fica atrás de PP e PSD

Rearticulação política consolida FPA como a maior bancada do Congresso, mas agora diretamente associada ao bloco "da bala"; MDB,

Read More...

Entenda a relação de Temer e Coronel Lima com o universo agropecuário

Protagonista de uma contrarreforma agrária no Brasil, ex-presidente teve fazenda em Goiás e foi acusado de grilagem; em SP,

Read More...

Despejo da comunidade Taboca, no Tocantins, viola resolução de direitos humanos

Camponeses foram retirados sem a presença de assistentes sociais e do Conselho Tutelar; segundo o Incra, trio de fazendeiros

Read More...

Leave a reply:

Your email address will not be published.