Tag: #OVotoQueDevasta

Acusado de corrupção, ex-assessor de Katia Abreu tenta voltar à prefeitura em Goiatins (TO)

Senadora abrigou Vinícius Donnover Gomes em seu gabinete após ele ser preso pela PF; candidatura está sub judice em

Assim que a urna fechar, De Olho nos Ruralistas inicia live especial sobre eleições

Neste domingo, das 17 às 22 horas, observatório promove programação na internet com convidados que debaterão os impactos do

Quilombola promete conter desmatamento na disputa por prefeitura em Cavalcante (GO)

Vilmar Kalunga conta com ações na Justiça para enfrentar a devastação do Cerrado na região, um dos grandes problemas

De Olho nos Ruralistas fala sobre eleições em debate da Frente Parlamentar Ambientalista

Às vésperas das eleições para prefeitos e vereadores deste domingo, evento discute adesão de candidatos a plataforma de metas

Acusado de grilagem, desmatamento e tráfico, prefeito é retransmissor da Globo em Itaituba (PA)

Candidato à reeleição, Valmir Climaco tem cotas da TV Liberal no município e, entre 108 processos, acumula ações trabalhistas

Acusado de poluir nascentes do Pantanal, “Rei do Porco” concorre ao Senado no Mato Grosso

Dono da Suinobras e de R$ 158 milhões, Reinaldo Morais (PSC) é o mais rico da lista de candidatos

Acúmulo de poder econômico e midiático influencia eleições, afirma Intervozes

Coletivo de defesa do direito à comunicação repercute reportagens do De Olho nos Ruralistas sobre candidatos donos de rádios

Nomes da “lista suja” do trabalho escravo disputam prefeituras em oito municípios da Amazônia

De Olho nos Ruralistas identificou 23 candidatos a prefeito, vice e vereador que já integraram cadastro de acusados de

Candidato em Macapá, irmão de Davi Alcolumbre tem retransmissora da Band na cidade

Suplente do presidente do Senado, Josiel é o único sócio da TV fundada quando ele tinha 15 anos; família

Cinquenta e um candidatos a prefeito em 21 estados declaram possuir rádios e TVs

Entre eles estão Josiel Alcolumbre (DEM-AP), irmão e suplente do presidente do Senado, os ex-governadores Mão Santa e Nilo Coelho